Itapemirim
Diário do Transporte
Itapemirim

A Itapemirim, império sobre rodas de transporte interurbano, vai oficializar sua companhia aérea e começou a contratar pilotos e comissários. Serão 600 vagas.

As grandes empresas aéreas do Brasil nasceram de empresas de ônibus, de tanto dinheiro ‘vivo’ que circula na catraca. GOL, pelas mãos dos Constantino (ônibus coletivos em Brasília e BH). A VASP, falida, veio de Wagner Canhedo (ônibus no DF e Entorno).

Camilo Cola, o fundador da empresa de ônibus, ex-deputado federal, tem 97 anos e sonhava há décadas com a entrada do grupo na aviação.

Já teve experiências pontuais nos últimos 40 anos. Criou a Itapemirim Cargo, que operou alguns Boeing, e depois a empresa teve uma breve experiência de operar voos regionais no Sudeste. Ele, porém, decidiu encerrar as companhias e concentrar o investimento no ramo rodoviário.

Agora, os herdeiros que comandam o grupo tomam a frente para realizar o sonho do empresário, a despeito da crise financeira em alguns setores diante da pandemia do coronavírus. O plano da nova companhia vem de mais de ano em gestação na empresa.

    Veja Também

      Mostrar mais