Kassio Nunes
O DIA/REPRODUÇÃO
Desembargador federal Kassio Nunes

A se confirmar o desembargador federal Kassio Nunes como o futuro indicado para a vaga do ministro Celso de Mello no Supremo Tribunal Federal, o piauiense ( grande azarão nas apostas de Brasília ) surpreende pelo perfil. Advogado há 10 anos, era ligado ao PSB do Piauí, sua terra natal.

Próximo do então governador Wilson Martins (PSB) e da conselheira do TCE Lilian Martins, esposa do ex-governador, emplacou seu pai como empregado no gabinete de Lilian, quando ela era deputada estadual.

Kassio foi nomeado desembargador no TRE piauiense e depois ascendeu ao TRF da 1ª Região em articulações discretíssimas, mas sempre muito bem apadrinhado pelo casal e judiciário.

Além do casal, Kassio é apadrinhado pelo senador Ciro Nogueira, presidente do Progressista.

Seu nome chega ao presidente Jair Bolsonaro avalizado em várias frentes – bem aceito até na base e oposição no Senado, onde será sabatinado se for confirmado em outubro.

O nome de Kassio enterrou, a priori, o sonho de três ministros do STJ que queriam ascender à Corte Suprema. Presidente do STF, o ministro Luiz Fux é egresso do STJ.

O último notório piauiense no Supremo foi Evandro Lins e Silva, falecido em 2002. Tido como um dos melhores juristas do século 20, ele fez carreira no Rio de Janeiro.

    Veja Também

      Mostrar mais