Auxílio emergencial
Agência Brasil

Auxílio emergencial

É inegável que há um esforço do Governo federal em atender os brasileiros de baixa renda nessa crise. Mas continua a bateção de cabeça entre instituições.

Na coletiva de ontem no Palácio, o ministro Onyx Lorenzoni (Cidadania) garantiu que os bancos vão proteger de saldo devedor e eventuais débitos automáticos os R$ 600 do voucher. Quinze minutos depois, uma cidadã de Brasília fez seu cadastro e leu o contrário.

Recado
Coluna Esplanada

Aviso no site da Caixa Econômica Federal

No cadastro pelo site da Caixa, a cidadã viu o recado: “Lembre-se: Caso exista saldo negativo ou débito programado nesta conta, o lançamento do auxílio pode ser utilizado para quitação”. Está bem claro, justo na página de cadastro. O ministro garantiu, para todos, que há acordo com a Febraban para proteger o cidadão de descontos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários