Coronavírus
Agência Brasil
Casos de Coronavírus

Parlamentares que chefiaram o Ministério da Saúde avaliam que o Brasil está preparado para enfrentar o coronavírus, mas divergem sobre o projeto enviado pelo Planalto ao Congresso para regulamentar a quarentena e receber os brasileiros que estão em Wuhan, na China, centro da epidemia.

Para o ex-ministro Alexandre Padilha, o projeto sugere um “macarthismo sanitário”, ao apontar que é responsabilidade do cidadão denunciar pessoas contaminadas. O deputado Ricardo Barros, também ex-ministro, avalia que a proposta é adequada.   

Entre outras medidas, o projeto (PL 23/2020) prevê isolamento, quarentena, restrição temporária de entrada e saída do país e a realização compulsória de coletas de amostras.

Senadores da Comissão de Relações Exteriores vão convidar os ministros da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, para prestar informações sobre medidas adotadas para prevenção e tratamento de eventuais casos do coronavírus.

    Veja Também

      Mostrar mais