undefined
Agência Brasil
Vovô tarado de 72 anos foi preso pela Polícia Federal em 2016 e foi condenado a 105 anos de prisão

Bastidores sobre a condenação do vovô tarado de 72 anos condenado a 105 anos de prisão por pedofilia, na quinta-feira: ele filmava estupro de menores e vendia para o exterior. Fazia isso há décadas até ser preso pela Polícia Federal em Santos em 2016.

Leia também: Programa Criança Feliz não avança e acua primeira-dama

Também descobriu-se que abusava de uma sobrinha quando menina – hoje ela tem 27 anos. Com ele havia mais de 400 mil arquivos.

Seu nome não foi revelado por segurança, por decisão da Procuradoria. Além disso, é de família abastada.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários