A consultoria Eurasia Group ampliou de 70% para 80% a probabilidade de o plenário da Câmara Federal aprovar em dois turnos o texto da reforma da Previdência. No relatório ao qual a Coluna teve acesso, distribuído para clientes de vários países, a agência aponta que “muitos dos riscos que poderiam comprometer a aprovação da PEC ‘recuaram’”.

No minucioso relatório, a Eurasia Group sublinha que a reforma da Previdência é fundamental para a “execução do limite de gastos” aprovado no ano passado pelo Congresso. 

A consultoria internacional de risco político também frisa a resistência da “opinião pública” às mudanças nas regras previdenciárias e que a base aliada do governo de Michel Temer articula para “angariar” entre 20 e 30 votos a mais que o necessário (308) para aprovar a reforma.

Punições

De acordo com as projeções da Eurasia Group, as próximas semanas serão “críticas” para a base aliada e o governo para evitar revés no plenário da Câmara.

Outros pontos em destaque do relatório indicam que PSDB e o PMDB devem fechar questão favorável à aprovação da reforma e “desertores serão punidos”. De acordo com a Eurasia, o texto da reforma deve ser votado em primeiro turno no dia 24 de maio no plenário da Câmara e, no Senado, aprovado até o setembro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários