A Federação Nacional dos Policiais Federais e a Federação dos Policiais Rodoviários Federais comemoram uma decisão ainda não divulgada pelo Ministério do Planejamento.

Vai sair Portaria para regulamentar o pagamento, pelo Governo, de indenização por trabalho na fronteira. Há três anos os policiais e delegados requerem, desde que foi aprovado o adicional pelo Ministério da Justiça, na gestão de José Eduardo Cardozo.

Para comemorar – em parte – mas também protestar pelo direito ao recebimento e ao pagamento do retroativo, os policiais farão manifestação na ponte da Amizade dia 31. O aditivo ao salário é de R$ 91 por dia trabalhado em postos da fronteira.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários