A melhor do ano (até agora) é de Paulo Lacerda, ex-diretor da Polícia Federal, em depoimento à Justiça Federal ontem, no processo que investiga o ex-presidente Lula da Silva.

Ao fim do depoimento, indagado pelo juiz se teria algo que desabonasse Lula, ele disse que sim, o que causou furor na sala. Encerrou com a frase: “A indicação de Dilma (Rousseff) para a Presidência”.

Leia também: Partidos sondam Reguffe e Bolsonaro para candidaturas à Presidência

Paulo Lacerda e o também ex-diretor da PF Luiz Fernando Corrêa depuseram no mesmo processo como testemunhas de Lula. Ambos negaram qualquer interferência do então presidente na corporação ou direcionamentos em investigações do Mensalão.

Lacerda ainda lembrou ao juiz que, se hoje a PF é o que é em credibilidade e com poder de investigação, foi em especial o ex-presidente Lula quem ajudou a turbinar o novo perfil da Polícia e o orçamento. Mas os delegados ainda reclamam autonomia.

    Leia tudo sobre: Lula

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários