Jorge Luz, alvo da Polícia Federal na Lava Jato e considerado foragido (foi preso na manhã desta sexta-feira pelo FBI, em Miami), é um dos primeiros lobistas que ficaram ricos na misteriosa relação de políticos com o comando da Petrobras.

Abriu muitas portas para mandatários na estatal. Chegou a ter vaga da diretoria na sede para sua Mercedes 350. Aliás, contam os vizinhos, foi a primeira Mercedes da categoria na Barra da Tijuca, onde reside há décadas.

A PF monitora familiares de Luz. Ele transitava com desenvoltura pelo Poder. A filha é casada com o filho do ex-senador Ney Suassuna. Virou amigo de Jader Barbalho pelas mãos do ator Lúcio Mauro, primo do senador. E foi Luz quem apresentou Ariadne Carvalho a Jair Coelho, seu ex-marido e saudoso rei das Quentinhas (pelos milionários contratos que tinha com o governo do Estado para servir refeições em presídios).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários