Tamanho do texto

Especialistas analisaram partes da árvore da espécie imbuia e descobriram que ela tinha cinco séculos de existência. Ninguém foi preso pelo crime

pessoas em torno de árvore gigante arrow-options
Polícia Ambiental de Santa Catarina
Árvore cortada tinha 535 anos de vida

Análises científicas feitas em uma árvore derrubada para construção de uma cerca em 2018 na cidade de Vargem Bonita, em Santa Catarina, detectaram que a planta, uma imbuia gigante com altura de um prédio de 10 andares, tinha 535 anos quando foi cortada.

A Polícia Ambiental do estado chegou até a área depois de uma denúncia anônima, mas não encontrou nenhum responsável pela derrubada ou máquina no local. Investigações descobriram que a árvore foi cortada a pedido dos donos do terreno e eles foram multados apenas por serem os responsáveis pela área.

Leia também: Aquecimento e desmate podem cortar Amazônia ao meio em 2050

O pedaço que restou da árvore foi retirado do local pela polícia ambiental e levado até a sede da polícia para fins educativos. Além da árvore rara e em risco de extinção, outros 16 exemplares de araucária foram derrubados no local. Ninguém foi preso por cometer o crime ambiental.