Manchas de óleo em praia
Agência Brasil
Manchas de óleo já atingiram todo o litoral do nordeste e parte do sudeste

Novas manchas de óleo foram encontradas no último domingo na região do Delta do Parnaíba , no litoral do Piauí , próxima à divisa com o Maranhão . Segundo o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), a estimativa é de que uma tonelada de petróleo tenha sido encontrada da região. Um navio da Marinha também realizou na manhã desta segunda-feira uma vistoria no local. As informações são do portal G1 .

Leia também: Navio suspeito de derramamento de óleo voltará ao litoral brasileiro esta semana

Na noite de domingo, o Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA), encabeçado pela Marinha, divulgou uma nota afirmando que, após um sobrevoo de helicóptero na costa do Piauí , não foram constatados vestígios do material na região. O mesmo documento afirma que, desde a última quinta-feira, quando o óleo voltou a atingir as praias piauienses, foi removida uma tonelada de petróleo do estado.

O material tóxico foi encontrado primeiramente na Praia de Atalaia, no município de Luís Correa, e atingiu outras localidades. O estado não apresentava reincidência desde o dia 30 de setembro. Até o último sábado, ainda segundo o G1 , mais de três toneladas de petróleo haviam sido retiradas das praias do estado. Deste montante, 1,6 tonelada foi retirada apenas na praia de Pedra do Sal, em Parnaíba.

Na semana passada, seis estados nordestinos que já estavam com as praias limpas também apresentaram reincidência de manchas. Na última quinta-feira, Ceará, Rio Grande do Norte, Sergipe, Maranhão e Piauí voltaram a receber vestígios após pelo menos três dias sem registros oficiais. Já Pernambuco ficou apenas um dia sem ocorrências.

Leia também: Laboratório de Alagoas encontra novo navio suspeito por manchas de óleo

O óleo derramado no litoral brasileiro, cuja origem permanece um mistério, já atingiu dez estados nas regiões Nordeste e Sudeste. De acordo com a última atualização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais (Ibama), 643 localidades foram afetadas em 116 municípios. A lista oficial não inclui a praia de Camburi, em Vitória (ES), onde foram encontrados fragmentos de petróleo. Na ocasião, o material foi encaminhado para a análise da Marinha.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários