Agência Brasil

.
Virgin Hyperloop Handout/Divulgação
Virgin Hyperloop conclui o primeiro teste com passageiros em Nevada. O sistema usa propulsão elétrica e levitação eletromagnética sob condições de quase vácuo


O Hyperloop, da empresa americana Virgin, concluiu a primeira viagem de passageiros do mundo em um sistema de cápsula levitante de alta velocidade , um teste de segurança chave para a tecnologia que espera transformar o transporte de pessoas e de carga.


Os executivos da Virgin, Josh Giegel, seu diretor de tecnologia, e Sara Luchian, a diretora de experiência do passageiro, alcançaram velocidades de até 172 km/h no local de teste em Las Vegas, Nevada. "Tive o verdadeiro prazer de ver a história feita diante dos meus olhos", disse Sultan Ahmed bin Sulayem, presidente da Virgin Hyperloop.

O Hyperloop, com sede em Los Angeles, prevê um futuro em que os pods flutuantes cheios de passageiros e carga voem por tubos de vácuo a 966 km/h ou mais rápido .

Em um sistema hyperloop, que usa levitação magnética para permitir uma viagem quase silenciosa, o trajeto entre Nova York e Washington levaria apenas 30 minutos . Isso seria duas vezes mais rápido que um vôo a jato comercial e quatro vezes mais rápido que um trem de alta velocidade.

A empresa já fez mais de 400 testes sem passageiros humanos no local de Nevada e está trabalhando para obter a certificação de segurança até 2025 e operações comerciais até 2030 .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários