Frio intenso em São Paulo
Rovena Rosa/Agência Brasil - 18.07.2017
Frio intenso em São Paulo

Meteorologistas do Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE) da Prefeitura de São Paulo informaram que o inverno deste ano, que começa nesta terça-feira (21), às 06h14, deve transcorrer sob a influência do fenômeno La Niña. Segundo os especialistas, durante a estação são esperadas chuvas abaixo da média , e temperaturas um pouco acima do esperado.

"Já no início deste inverno, casualmente, teremos uma massa de ar mais quente e seco, formando um bloqueio atmosférico que dificulta a passagem de sistemas frontais pelo Estado que tenham força para mudar o tempo", disse o meteorologista do CGE da Prefeitura, Michael Pantera. "Essa condição favorece dias com sol e temperaturas em elevação, fenômeno conhecido como veranico, comum no inverno", explica.

De acordo com dados de temperatura do CGE as médias serão as seguintes:

Junho - Mínima media - 13,5°C. Máxima média - 22,9°C

Julho - Mínima média - 12,6°C. Máxima média - 22,9°C

Agosto - Mínima média - 13,4°C. Máxima média - 24,3°C

Setembro - Mínima média - 15,2°C. Máxima média - 25,9°C

"Não deveremos ter um inverno rigoroso. Isso não signfica que não haverá ondas de frio intenso, mas elas deverão ocorrer alternadas com períodos de tempo seco com sol e temperaturas mais amenas", complementa Pantera.

O Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas da Prefeitura de São Paulo registra índices pluviométricos na cidade desde 1995. Nos meses de inverno são esperadas as seguintes médias:

Junho - 51,2mm

Julho - 43,8mm

Agosto - 29,6mm

Setembro - 65,8mm

Durante a estação a média de chuvas esperada é de 136,1mm. Em 2021 foram registrados 92,9mm. O inverno mais chuvoso, até o momento, foi o de 2009, com 352,2mm; já o mais seco em 2017, com 61,6mm.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários