João Doria
Agência Brasil
Governador de São Paulo vai anunciar plano de retomado do estado nesta quarta

Com 203 mortes registradas nas últimas 24 horas, São Paulo chegou nesta terça-feira (26) a 6.423 óbitos pelo Covid-19. O estado contabiliza, até este momento, 86.017 casos confirmados vírus. Dos 645 municípios do estado, 511 registram pelo menos um caso da doença.

O número de pacientes internados com suspeita ou confirmação da Covid-19 passa de 12 mil em todo o estado, sendo 4.779 internados em unidades de terapia intensiva (UTI) e 7.506 em enfermaria.

Doria diz que relação entre Brasil e EUA será afetada; entenda motivo

Já a taxa de ocupação de leitos de UTI reservados para atendimento a pacientes com o novo coronavírus é de 74,5% no estado e de 87,7% na Grande São Paulo. O número de altas de pacientes que tiveram a confirmação da doença e que passaram por hospitais em São Paulo chegou hoje a 17.589.

O governo de São Paulo deve anunciar na quarta-feira (27) as novas regras para a quarentena no estado, bem como um plano de retomada das atividades para ser aplicado a partir de 1° de junho.

"A nova quarentena será inteligente. Ela vai levar em conta toda a regionalização do Estado de São Paulo, o interior, a capital, a região metropolitana, o litoral de São Paulo. A decisão não será homogênea", afirmou. "Até agora, ela foi homogênea. Até esta quarentena que se encerra no dia 31 de maio. Foi homogênea porque precisava ser", disse o governador.

Doria, à Globonews, descartou a adoção de lockdown. Como já disse em coletiva de imprensa, o protocolo para implementação da norma existe, mas que por ora não há recomendação da equipe técnica para adotá-lo.

    Veja Também

      Mostrar mais