O criminoso gostava de ostentar nas redes sociais
Reprodução - 25.04.2022
O criminoso gostava de ostentar nas redes sociais

Apontado como o responsável por um esquema que roubava carros e trocava por drogas na fronteira do Mato Grosso do Sul com o Paraguai – que posteriormente eram revendidas em diversos estados do país – e acusado de fazer parte de uma facção criminosa que atua no Norte do país, o traficante Kaue Vitor Santos da Silva, de 32 anos, foi preso por agentes da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme) , neste domingo, em um hotel de luxo em Copacabana, na Zona Sul do Rio.

Contra ele, há um mandado de prisão em aberto por porte ilegal de armas. Ele responde ainda a processo por organização criminosa e tráfico de drogas. Velho conhecido da polícia, o bandido havia chegado na capital fluminense no sábado e passava o carnaval em família. Kaue tem também anotações criminais por tentativa de homicídio, roubo, tráfico de drogas, furto e posse ilegal de arma.

Kaue foi preso em 2017, apontado como um dos chefes de uma organização criminosa que comandava um esquema onde carros roubados eram levados para a fronteira do Mato Grosso do Sul, sendo trocados por drogas, que eram enviadas a outros estados, inclusive o Rio. Após quatro anos preso em um presídio federal, ele aproveitou o benefício de saidinha, temporária em outubro do ano passado, e fugiu. Desde então ele era considerado foragido e era monitorado pela Diretoria de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Mato Grosso do Sul e pela Agência Brasileira de Inteligência (Abin).

Kaue havia chegado ao Rio no sábado com a família, hospedando-se em um hotel em Copacabana, onde foi capturado, após ser monitorado por policiais, quando voltava de um passeio no Cristo Redentor.

O traficante ‘ostentação’ chegou a fazer postagens da praia de Copacabana e de um hotel de luxo no local, para parecer que estava hospedado neste hotel, o que não era verdadeiro. A Polícia Civil ainda investiga a relação de Kaue com traficantes de drogas e armas, que são transportadas de outros estados para o Rio.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários