Pessoa segura um celular nas mãos
Divulgação - 24.05.2022
Pessoa segura um celular nas mãos

Um homem de 37 anos foi preso em flagrante, na noite desta segunda-feira, em Mato Grosso, por "vingança pornográfica". Ele compartilhou um vídeo de sexo com a ex-mulher para se vingar do fim do relacionamento. De acordo com o delegado Vinícius de Assis Nazário, do xxx, durante o interrogatório ficou claro que o suspeito agiu deliberadamente e de forma consciente:

"Essa conduta é considerada vingança pornográfica (revenge porn, em inglês), que consiste na divulgação, por um dos parceiros da relação sexual ou por terceiro, de imagem ou vídeo com natureza sexual, com a intenção de se vingar do outro indivíduo por ciúmes, rejeição ou outro motivo, o que é considerado crime previsto no artigo 218-C, §1º, do Código Penal."

Os agentes começaram a investigação logo após a vítima fazer um registro de ocorrência. Na ocasião, ela contou que foi casada com o suspeito por cinco anos — os dois têm uma filha de 3 anos — e soube que ele havia compartilhado o vídeo íntimo. Durante seu depoimento, o homem confirmou o envio das imagens para um amigo e disse que fez isso por achar que ele estava se relacionando com sua ex-mulher.

O homem foi autuado em flagrante pelos crimes previstos nos artigos 147-A (perseguir alguém, reiteradamente e por qualquer meio, ameaçando a integridade física ou psicológica) e 218-C, §1º, (disponibilizar registro de cena de sexo sem o consentimento da vítima, com aumento de um a dois terços da pena se o crime é cometido por alguém quem mantém ou tenha mantido relação íntima com a vítima ou com fim de vingança ou humilhação) do Código Penal.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários