Adriana Ferreira Almeida e Renné Senna que ficou milionário com a mega-sena quando eram casados
Reprodução 04/04/2022
Adriana Ferreira Almeida e Renné Senna que ficou milionário com a mega-sena quando eram casados

Adriana Ferreira Almeida, a Viúva da Mega-Sena, acaba de sofrer mais um revés. Condenada a 20 anos de prisão por ser mandante do assassinato do ex-lavrador e milionário René Senna, em janeiro de 2007, ela foi considerada pela Justiça indigna de receber qualquer parte da herança do ex-marido. Ilhados: Distrito na Costa Verde fica isolado, sem água e sem luz após queda de barreiras na Rio-Santos.

“Em razão da participação da ré no homicídio do genitor da autora, defende a sua exclusão da sucessão pela configuração de indignidade”, diz parte da decisão do juiz Pedro Amorim Gotlib Pilderwasser, titular da 2ª Vara Criminal de Rio Bonito.

Adriana disputa a herança há 15 anos com a família de Renê. Em 2018, a Justiça já havia decidido que o testamento que a beneficiava era inválido. Na disputa, um sítio de 9,3 quilômetros quadrados em Rio Bonito e o prêmio de R$ 52 milhões da Mega-Sena que René recebeu — hoje, um valor estimado em R$ 90 milhões.

René Senna foi executado a tiros por dois homens contratados por Adriana, em Rio Bonito, na Região Metropolitana do Rio. De acordo com a sentença que condenou a ex-cabeleireira, ela ordenou a morte do marido após ele ter dito que iria a excluí-la do testamento, pois havia descoberto que estava sendo traído.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários