Winy com o cachorro Mamute
Reprodução/Arquivo pessoal
Winy com o cachorro Mamute

Um homem matou um cachorro da raça american bully a facadas, nesta quinta-feira, em Cosmos, na Zona Oeste. O autor do crime é dono de outro cachorro, da raça rottweiler. Os dois animais brigaram e o homem teria utilizado a faca para ferir o cão.

— Na hora, não pensei em ir para a delegacia. Só pensei em socorrer meu cachorro. Pensei que ele fosse sobreviver — conta Winy Vitória Santos Fernandes, de 25 anos, dona do Mamute, o american bully de 4 anos.

Ela conta que o animal se soltou do andar de cima e acabou empurrando e abrindo o portão que dá acesso à rua. Ele foi na direção do rottweiler e os dois começaram a brigar.

— Joguei água em cima, puxei meu cachorro, mas ele jogou o cachorro dele em cima do meu e mandou a esposa pegar uma faca na casa deles. Soltei meu cachorro porque eles continuaram brigando e podiam me morder. A mulher dele veio com a faca e ele começou a esfaquear meu cachorro, até que ele caiu no chão. Tentei impedir, mas ele veio com a faca para cima de mim e meu vizinho me puxou — relata Winy, afirmando que o homem ameaçou quem tentasse impedir que ele continuasse a ferir o animal.

Mamute morreu nesta sexta-feira, na clínica veterinária para onde foi socorrido. Winy contou que, segundo os veterinários que atenderam o animal, foram 21 facadas. Ela disse ainda que só passeava com o cão à noite e ele sempre usava focinheira:

Leia Também

Leia Também

— Passeava com ele à noite, sempre depois das 23h e com focinheira e coleira. Mas ele era um bebezão. Nunca agrediu criança, ninguém.

O caso foi registrado na 35ª DP (Campo Grande) como ameaça e sanções penais e administrativas ao meio ambiente.

O presidente da Comissão de Defesa dos Animais da Câmara de Vereadores do Rio, Luiz Ramos Filho (PMN), foi acionado e está acompanhando o caso e cobrando rigor na apuração.

— A Polícia Militar foi na cada deste cidadão. Não entendi por que ele não foi preso em flagrante. Estou oficiando a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente. Esse homem cometeu uma série de crimes. Matou o animal, ameaçou as pessoas, e permanece solto. Estão esperando o quê? Que ele mate mais alguém? É um perigo para a sociedade — afirmou o vereador.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários