Kim Kataguiri afirmou que errou em fala sobre o nazismo no Flow Podcast
Reprodução
Kim Kataguiri afirmou que errou em fala sobre o nazismo no Flow Podcast




O deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP) se desculpou, na última quarta-feira (9), por uma fala durante a transmissão do Flow Podcast, no início da semana. Em um debate com o apresentador Monark, o parlamentar disse que a Alemanha "errou" ao criminalizar o partido nazista.

Leia Também

"Eu errei, eu disse algo que ofende a comunidade judaica. Que faz com que ela se sinta ameaçada. Eu errei e a comunidade judaica tem razão de me criticar por eu ter dito esse absurdo", disse o parlamentar durante uma live com o deputado estadual Heni Ozi Cukier, o Professor HOC (Novo-SP).

A declaração no podcast foi repudiada pela comunidade judaica e uniu até oponentes políticos, de congressistas do PT a Eduardo Bolsonaro (PSL). No dia seguinte, o procurador-geral da República, Augusto Aras, determinou a abertura de uma investigação sobre suposto crime de apologia do nazismo praticado por Monark e por Kataguiri .

Na quarta, o PT acionou o Conselho de Ética da Câmara contra o deputado do Podemos, alegando "a defesa aberta a descriminalização de uma doutrina que prega a disseminação de ódio e intolerância, o Deputado Federal representado se distancia de seus deveres constitucionais e deixa de ser amparado pela imunidade parlamentar material".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários