Chuvas fortes na Bahia deixam o sul do estado em situação de emergência climática
Reprodução
Chuvas fortes na Bahia deixam o sul do estado em situação de emergência climática

Nesta quinta-feira (9), a região do extremo sul no estado da Bahia registrou fortes chuvas em cerca de 32 municípios, devido a um ciclone tropical que se formou no oceano Atlântico. 29 cidades declararam situação de emergência, enquanto outras três se encontram em estado de calamidade.

As pancadas d'água foram intensas especialmente no bairro Nova Alegria, na cidade de Itamaraju, onde três pessoas morreram soterradas após o desabamento de seis imóveis. De acordo com a MetSul Meteorologia, o município registrou, só ontem, o volume de 450 mm e o ciclone poderá se intensificar ainda mais ao longo desta sexta-feira.

Na manhã desta quinta, o governador do estado, Rui Costa (PT) garantiu que o governo seguirá com a força-tarefa para auxiliar os municípios que sofreram com as chuvas, mas que o levantamento de informações técnicas dependerá do abrandamento das tempestades.

“Vamos fazer um levantamento detalhado de tudo que precisa ser reconstruído: estradas, pontes e casas que foram destruídas. Mas só dá para fazer esse levantamento depois que a água baixar, porque você precisa ver o estrago, de fato, e a solução técnica que vai ser dada em cada ponto em que se perdeu aquela infraestrutura” , declarou.

Iternautas compartilharam fotos e vídeos das enchentes nas redes sociais:




Leia Também

Força-tarefa do Governo do Estado

O Governo do Estado montou uma força-tarefa para assistir e levar ajuda às cidades atingidas pelas chuvas no Extremo Sul. Entre elas, estão Teixeira de Freitas, Jucuruçu, Prado e Itamaraju. O governador Rui Costa visitará o Extremo Sul nesta sexta-feira caso o tráfego aéreo permitido, para avaliar os estragos causados pelas enchentes.

O Grupamento Aéreo da Polícia Militar da Bahia (Graer) disponibilizou aeronaves para atendimento específico de demandas urgentes de defesa social. Um avião Grand Caravan decolou de Salvador nesta quinta-feira (9), transportando nove bombeiros militares que atuam na operação.

Nas áreas onde a situação está mais crítica, foram enviados Helicópteros diretamente da Capital ou da Base Avançada de Barreiras. Pacientes que se encontravam ilhados em Cumuruxatiba, na cidade de Prado, foram levados para a sede do município para receber atendimento médico. As aeronaves levam ainda cestas básicas e outros itens para suprir as necessidades de comunidades isoladas pela água.

Movimentação nas redes sociais

O influencer Felipe Neto movimentou doações para auxiliar as famílias que perderam seus pertences no bairro de Nova Alegria. Após pedir a ajuda de seguidores em suas redes sociais, ele afirmou ter doado cerca de R$ 100 mil para famílias locais e compartilhou chaves pix atribuídas a pessoas que precisam de doações. O influenciador ainda fez uma postagem falando diretamente ao governador do estado: " Por favor, assuma o resgate e auxílio urgente das pessoas!" .


O humorista Whindersson Nunes também se compadeceu pela situação das famílias de Nova Alegria. "Galera do extremo sul da Bahia, o que está acontecendo por aí e o que pode ser feito?", postou no Twitter.

*Matéria em atualização

Drop here!

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários