Dona Vera salvou bisneto de 11 meses de um incêndio
Reprodução/RPC Curitiba
Dona Vera salvou bisneto de 11 meses de um incêndio

A catadora de materiais recicláveis Vera Dubinski, de 62 anos, entrou em uma casa que estava pegando fogo para resgatar o bisneto de apenas 11 meses, que dormia em um quarto quando o incêndio começou.

O caso aconteceu em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. Ao G1, os familiares afirmaram que 16 pessoas moravam no local, e todos saíram correndo quando o incêndio começou.

Com o pânico causado pelas labaredas, que chegaram aos quatro metros de altura, todos saíram correndo. Vera, então, perguntou onde estava o pequeno Pietro.

"Eles falaram que ele estava dormindo, e o fogo já estava entrando no quarto. Eu entrei, peguei ele e tirei. Meus netos são minha vida, eles moram comigo. Se eu trabalho, se eu luto, é por eles", disse ela, que se arriscou antes da chegada dos Bombeiros.

Leia Também

Ela entrou pelo lado oposto de onde estava o fogo, e conseguiu resgatar a criança. Ninguém se feriu gravemente - Vera foi encaminhada ao pronto-atendimento apenas por ter inalado fumaça.

Silva Dubinski, mãe de Pietro, falou sobre a sensação de alívio após o ato de Vera. "Uma sensação de desespero, mas ao mesmo tempo de alívio. Ele tem duas datas de nascimento agora, porque ele nasceu de novo. Se não fosse ela, meu filho estaria morto".

O local onde a família guardava os materiais recicláveis não foi danificado. A casa, no entanto, que era toda de madeira, ficou destruída. "Nós perdemos tudo. Não é bastante coisa, mas todo mundo ficou só com a roupa do corpo. Eu não sei explicar a força que eu tive, a única coisa que eu sei é que Deus estava junto comigo".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários