O homem foi agredido em frente ao filho bebê
Reprodução
O homem foi agredido em frente ao filho bebê

Um homem negro de 21 anos foi imobilizado por dois seguranças no metrô de São Paulo na noite de ontem (20). O momento da abordagem foi gravado por uma passageira que também estava no local. A vítima carregava uma criança em um carrinho de bebê. 

Segundo informações, a ação aconteceu na Linha 3 - Vermelha, estação Anhangabaú. No vídeo, a testemunha pede para que os seguranças tomem cuidado para não matar o homem:

Flávia Alves, responsável por registrar a ação, explicou a situação no seu perfil do Instagram. "Quando eu cheguei eles estavam discutindo por causa de uma abordagem agressiva que aquele pai presenciou! O policial que deu o mata-leão resolveu agredir ele verbalmente por causa da máscara que ele estava usando", escreveu. 

Ela relata que durante a discussão a vítima reclamou que o carrinho de seu filho tinha sido empurrado, fazendo com que o bebê caísse de cara no chão. Confira a publicação completa: 

Leia Também

Flávia Alves explicou o ocorrido em seu perfil no Instagram
Reprodução
Flávia Alves explicou o ocorrido em seu perfil no Instagram

Em resposta, o Metrô de São Paulo alegou que os agentes são treinados para agir dessa forma e que o passageiro causou tumulto ao tentar impedir uma fiscalização contra comércio irregular. 

"Após agredir os funcionários com mordidas e cusparadas, fato confirmado pelo mesmo DP, precisou ser imobilizado para a segurança de todos e encaminhado para à Delegacia do Metropolitano, onde foi registrado boletim de ocorrência", escreveu a Companhia do Metropolitano de São Paulo. 



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários