Momento em que a idosa, que proferiu ofensas racistas, é detida
Reprodução
Momento em que a idosa, que proferiu ofensas racistas, é detida

Enquanto um senhor negro, de 70 anos, explicava para seus filhos como funcionava seu trabalho de pintor, em Taguatinga-DF , uma idosa passou próximo à família e gritou "negrada dos infernos, vai pro inferno". O que ela não contava é que um dos filhos encontrava-se gravando o depoimento do pai e havia registrado suas ofensas racistas. Veja o momento:


Uma policial que passava próximo ao local, à paisana, tentou deter a criminosa. A idosa tentou fugir correndo e, ao ser pega pela agente de segurança, resistiu à prisão desferindo chutes na agente.

A vítima, um homem negro, saia de uma consulta e explicava como estava pintando a fachada de um shopping no Distrito Federal.


O caso foi registrado como injúria racial e a criminosa foi conduzida à delegacia, mas foi liberada após pagar uma fiança de R$ 1 mil.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários