Flordelis ao lado de Adriano dos Santos Rodrigues
Reprodução / Instagram
Flordelis ao lado de Adriano dos Santos Rodrigues

Nesta quarta-feira (28), o vice-presidente do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), ministro Jorge Mussi, negou o pedido de liminar para revogar a prisão preventiva de Adriano dos Santos Rodrigues, filho da deputada federal Flordelis dos Santos de Souza (PSD-RJ).

Adriano é acusado de participar da falsificação de uma versão dada à polícia sobre o assassinato do pastor Anderson do Carmo, marido da parlamentar, morto em junho de 2019.

O Ministério Público do Rio de Janeiro informou que ele fraudou uma carta para ajudar a criar uma mentira sobre o caso. Além disso, o filho da deputada é acusado de associação criminosa, uso de documento falso e falsidade ideológica.

Ele vai a júri popular com Flordelis e mais oito pessoas, por determinação da juíza Nearis Arce, da 3ª Vara Criminal de Niterói, de maio deste ano.

Ele foi preso preventivamente no dia 24 de agosto de 2020, e os pedidos de revogação da decisão foram negados em primeira e segunda instâncias.

— Com informações do colunista Lauro Jardim , ao jornal O Globo .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários