Jair Bolsonaro e Nicolás Maduro são avaliados como os piores líderes no combate a pandemia
Reprodução
Jair Bolsonaro e Nicolás Maduro são avaliados como os piores líderes no combate a pandemia

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) encontra-se na segunda colocação no ranking dos piores gestores no combate a pandemia do novo coronavírus . A pesquisa refere-se aos países da América Latina e, na avaliação de 380 formadores de opinião ouvidos pelo Instituto Ipsos, o mandatário brasileiro perde apenas para Nicolás Maduro, presidente da Venezuela.

Luis Alberto Lacalle, presidente do Uruguai, foi considerado o governante que realizou a melhor gestão da pandemia. Isso porque o país está na iminência de 'se livrar' da Covid-19, já que encontra-se atualmente com 60% da sua população vacinada com duas doses. É esperado que os uruguaios ultrapassem a 'imunidade de rebanho' até o mês de setembro.

O Brasil apresenta a pior avaliação em relação ao caos sanitário em que o país se encontrou no início do ano,  com colapsos nos hospitais e falta de oxigênio para enfermos.


Atualmente, a taxa de imunizados no Brasil é de 17,8%, o que coloca o país tupiniquim em situação de risco. A Venezuela, avaliada de maneira similar, possui 3,8% do povo venezuelano completamente imunizado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários