Datena mostra preocupação com possível candidatura e alega que
Marcos Corrêa/PR
Datena mostra preocupação com possível candidatura e alega que "não adianta você ser eleito com gente que não confia"

José Luiz Datena (PSL), apresentador de televisão, concedeu uma entrevista ao Estado de S.Paulo e confirmou sua pré-candidatura à presidência . Ao comentar sobre Lula e Bolsonaro, o comunicador revelou que teve "uma relação mais próxima" com o petista do que como capitão do Exército.

Ao ser questionado sobre suas consecutivas corridas eleitorais - e desistências também - Datena revelou que "não havia segurança das pessoas que haviam combinado projeto" com ele.

"Você tem de ter um conjunto de pessoas do seu lado que você confia e que te levem àquilo que te prometeram. Para não passar pelo vexame que [o ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson] Witzel está passando, com risco de ir para a cadeia", opina o pré-candidato a presidência da República.

Atualmente, Datena diz confiar no presidente da sigla, o deputado Luciano Bivar, para que sua corrida ao Planalto seja bem sucedida.

Ao comentar sobre as declarações recentes do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o apresentador considerou "lamentável" as falas do capitão. "Eu entrevistei o Bolsonaro antes das eleições passadas e ele chegou a dizer: “Eu não admito perder as eleições”. É antidemocrático."


Até 2015, o apresentador era filiado do Partido dos Trabalhadores - onde permaneceu por 23 anos - e revelou que chegou a possuir uma "relação mais próxima com o Lula do que com o Bolsonaro". Hoje, porém, Datena alega que se distanciou de ambos e não possui nenhuma ligação "que não seja profissional."

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários