Leniel cobra justiça pela morte de seu filho, Henry Borel
Reprodução/ Redes Sociais
Leniel cobra justiça pela morte de seu filho, Henry Borel

Leniel Borel, pai do menino Henry , revelou em entrevista que colocará seus advogados à disposição para indiciar todos os envolvidos, incluindo a avó materna e a babá que sabiam das agressões, na morte de seu filho - assassinado aos 4 anos de idade. As informações são do portal Uol .

"Para mim, a avó não proteger o único neto, a babá não falar nada. Estão achando que vão levar a vida normal e eu vou ficar aqui todos os dias chorando? Tem que indiciar todo mundo", relatou o engenheiro Leniel.

Mesmo com o encaminhamento de um inquérito da Polícia Civil ao Ministério Público do Rio de Janeiro contra o vereador Dr. Jairinho (sem partido) e Monique Medeiros, Leniel diz que ainda há muito a ser feito para que haja justiça sobre a morte de Henry.

"Não tem que parar só no Jairo e na Monique . O Brasil tem que parar com isso, de sentimento de impunidade. Se não tem lei para avó que é omissa, para babá que é omissa, então vamos criar. Vamos fazer alguma coisa".


Leniel também realizou uma análise sobre Monique, a mãe de Henry, e que não acreditava que ela pudesse estar envolvida na morte do filho. "Ela está mostrando pro mundo que mãe também mata, mãe também é omissa, mãe é gananciosa. Ela acabou vendendo o filho."

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários