Bolsonaro atua para barrar Renan Calheiros e Randolfe Rodrigues na CPI da Covid
Reprodução: iG Minas Gerais
Bolsonaro atua para barrar Renan Calheiros e Randolfe Rodrigues na CPI da Covid

Com chances mínimas de conseguir compor uma maioria governista na comissão parlamentar de inquérito ( CPI ) da Covid no Senado, o Presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) trabalha para que o relator e o presidente da CPI não sejam alinhados a oposição. As informações são do jornal A Folha de S.Paulo .

A medida busca evitar que os senadores Renan Calheiros (MDB-AL) e Randolfe Rodrigues (Rede-AP), opositores do presidente, integrem os principais postos de destaque da comissão e desgastem o governo.

O governo não descarta apoiar a nomeação de Eduardo Braga (MDB-AM) para evitar que Calheiros integre a comissão. Isso porque, como o MDB possue a maior bancada no Senado Federal, logo, é natural que o partido ocupe uma das vagas.

O senador Randolfe é um dos favoritos ao cargo de presidente da CPI do Covid por ser o autor do requerimento da criação da comissão .


Na última terça-feira (13), após o rito de criação da CPI, assessores do governo passaram a defender que a situação não fosse contaminada por " paixões políticas ". A tentativa é evitar que a comissão desgaste a popularidade do presidente a um ano da reeleição .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários