Local em que mulher foi assassinada em BH
Reprodução Google Street View
Local em que mulher foi assassinada em BH

Nesta quarta-feira (31), no bairro Ribeiro de Abreu, na região norte de Belo Horizonte , um menino de oito anos presenciou sua mãe ser assassinada pelo seu tio e por mais dois homens ao invadirem a casa da família. Recebendo golpes de barra de ferro e facadas, a criança ficou trancada em um quarto enquanto escuta gritos de socorro da mãe. As informações foram apuradas pelo O Tempo.

Segundo as informações das autoridades, o irmão da vítima contou que também estava na residência no momento da invasão. Ele disse que ouviu alguém batendo na porta e quando foi atender, foi atacado por três homens que o enforcaram até ele perder a consciência. Um dos suspeitos também é irmão da vítima de 16 anos e outro homem seria um primo de 34 anos.

Neide Anne Pereira Amorim, de 27 anos, estava sentada com o seu filho no sofá no momento em que os três homens invadiram residência e foram em sua direção. Conforme contou o menino a Polícia Militar, sua mãe começou a ser agredida com uma barra de ferro e um dos suspeitos usou do mesmo objeto para bater em sua mão e pedir para que o menino fosse para um quarto.

Ele ainda declara que no quarto, ficou extremamente agoniado com os gritos de dor e socorro de sua mãe. Quando a polícia chegou no local, o menino estava chorado e em estado de choque pelos acontecimentos.

"As facadas foram desferidas diversas vezes, tanto que a faca chegou a quebrar dentro do corpo da vítima. Crime foi praticado deforma brutal na frente de uma criança de 8 anos filha da vítima. Tudo nos indica que o tráfico de drogas, mais uma vez foi o elemento motivador. Um dos autores tinha uma dívida com a vítima, que era então credora dos autores. Possivelmente por não querer pagar a vítima eles acabaram ceifando a vida dela. O mais chocante disso tudo é que o principal agressor é irmão da vítima", conta o delegado Frederico Abelha. 

Você viu?

A delegada Michelle Faria também ressalta a violência visto no caso. "Os golpes de barras de ferro foram desferidos contra a vítima principalmente na região da cabeça. Então eles entraram mesmo para ceifar a vida dessa mulher de 27 anos. Os autores já tinham ido na casa duas horas antes do crime e tiveram uma conversa com a vítima, depois eles retornaram ao apartamento". 

Após invasão , os homens suspeitos conseguiram fugir levando documentos e dinheiro da vítima. O menino encontrou sua mãe já morta, de joelhos e com a cabeça no sofá. O irmão da vítima despertou do desmaio e saiu com o sobrinho de casa e pediram auxílio para vizinhos.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado até o local e pode constatar o óbito da vítima. A Polícia Civil também foi chamada e realizou a perícia no local do crime .

Com o andamento das investigações, as Polícias Civil e Militar, conseguiram prender dois suspeitos. O jovem de 16 anos e o irmão da vítima foram apreendidos e confessaram o crime. Ele contou que a mulher tinha uma dívida com o tráfico de drogas e que esse seria motivo para o assassinato. Outro suspeito, de 31 anos, negou sua participação e não quis comentar sobre caso. O terceiro homem suspeito, primo da vítima, de 34 anos, foi identificado pelas autoridades, mas não foi encontrado.

Corpo de Neide Anne Pereira Amorim foi levado para o Instituto Médico-Legal (IML) da região e caso deve seguir sendo investigado pela Polícia Civil local.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários