Plataforma reúne bilhões de dados de brasileiros
Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Plataforma reúne bilhões de dados de brasileiros

A Controladoria-Geral da União (CGU) identificou uma série de vulnerabilidades e uma lista de acesso ao Cadastro Nacional de Informações Sociais, mantido pelo INSS. O Cadastro reúne informações cadastrais e de trabalho dos brasileiros e, segundo o relatório da controladoria, perfis de estagiários, menores de idade, pessoas mortas, aposentados e ex-funcionários correm risco de exposição.

Ao todo, o CNIS possui cerca e 35 bilhões informações cadastrais, incluindo dados sobre veículos e carteiras de motorista, financiamentos estudantis, remunerações e vínculos de trabalho.

"A gestão dos controles de acesso ao Portal CNIS não se mostra adequada para assegurar que os perfis de acesso ao sistema sejam concedidos e mantidos mediante o atendimento dos critérios definidos normativamente e em nível e período de vigência necessários às atividades dos usuários", diz o relatório que alerta para a fragilidade do sistema.

Em nota ao portal G1, o INSS, responsável pela manutenção da plataforma, afirmou que o relatório indica "a possibilidade de melhora, o que é um processo evolutivo normal de qualquer sistema e base de dados".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários