Ministro Gilmar Mendes defendeu imunização urgente
Jorge William / Agência O Globo
Ministro Gilmar Mendes defendeu imunização urgente

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes defendeu, nesta sexta-feira (25), a urgência da vacinação contra a Covid-19 no Brasil. "Vacinas não possuem ideologia. Sua função científica é salvar vidas, como há tantos anos o fazem", disse em rede social.

O ministro, que reforçou o fato de que 190 mil vidas já foram perdidas em decorrência da Covid-19 no Brasil, disse que "a imunização é urgente e deve abarcar todo o país. Devemos confiar nos critérios de prioridade estabelecidos pelas autoridades sanitárias".

O início da campanha de vacinação contra a Covid-19 pelo Programa Nacional de Imunização ainda não possui data confirmada pelo Ministério da Saúde, que diz aguardar o registro da Agência Nacional de Vigilância Sanitária para os imunizantes em teste.

O presidente Jair Bolsonaro, porém, já criticou em diferentes ocasiões a vacina desenvolvida pela Sinovac, a mais avançada até então no país.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários