Apagão no Amapá
Reprodução / Twitter @Diogotapuio
Apagão no Amapá segue pelo quarto dia consecutivo, após um incêndio que ocorreu em uma subestação de energia

O estado do Amapá amanheceu nesta sexta-feira (6) sem energia elétrica pelo quarto dia consecutivo . O apagão acontece em 13 do total de 16 municípios da região.

O trabalho de reparo na subestação elétrica  que foi atingida por um incêndio na noite de terça-feira (3) teve início, mas a energia não voltou. A previsão era que a eletricidade retomasse na noite desta quinta-feira (5).

Filas gigantes

Os postos de combustíveis estão concentrando filas que superam mais de um quilômetro. Os estabelecimentos usam geradores para obter energia elétrica. Devido à falta de energia, subiu a procura por alimentos, água potável e gelo, principalmente no Macapá.

Calamidade pública no Macapá

O prefeito de Macapá, Clécio Luís (sem partido), decretou estado de calamidade pública na capital por 30 dias. O decreto foi emitido na tarde desta quinta-feira (5).

Os postos de gasolina na região foram autorizados a funcionar 24 horas por dia. Antes, devido à pandemia do novo coronavírus, os postos só podiam funcionar das 6h até 22h.

Minas e Energia anuncia investigação

O ministro Bento Albuquerque, responsável pelo Ministério de Minas e Energia, anunciou na noite da quinta-feira (5) que uma investigação foi aberta para apurar as causas e consequências do incêndio que gerou o apagão . O anúncio foi realizado durante uma coletiva de imprensa, em Brasília.

O ministro visitou no período da manhã a capital do Amapá , e informou que há um plano de retomada total de energia em até 15 dias e de forma parcial, cobrindo 70% da região, a partir desta sexta-feira (6).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários