.
Arquivo pessoal
O brasileiro Vinicius Tankevicius e a italiana Alessia Coppola não conseguem se encontrar desde 2019


Fotos, mensagens e videochamadas narraram o nascimento de Gaia, em Roma, para seu pai, Vinicius Tankevicius, em São Paulo. O  brasileiro não pôde acompanhar o parto, em julho, e, passados três meses, ainda não viu a filha ao vivo. A gestação é algo que também não conheceu de perto, somente em arquivos enviados pela namorada, a italiana Alessia Coppola.


Mas a história não era para ter sido assim. O casal é um entre diversos que foram separados pela pandemia do novo coronavírus . As fronteiras fechadas entre países afetam especialmente quem não tem uma relação de "papel passado", caso de Coppola e Tankevicius.

Histórias como essa não são exceção em grupos pela internet que ajudam famílias e casais isolados a trocarem notícias, dicas e mensagens de apoio.

Inicialmente pouco visível diante de outras emergências desencadeadas pela Covid-19, o grupo tomou forma com o nome de Love Is Not Tourism (o amor não é turismo, em tradução) para tentar sensibilizar as autoridades .


    Veja Também

      Mostrar mais