Mulher
Reprodução
Franciane foi assassinada a golpes de faca no dia 27 de outubro

A cantora Franciane Costa, de 36 anos, foi assassinada a facadas na última terça-feira (27), em Uberaba, interior de Minas Gerais. O principal suspeito do feminicídio, marido da vítima, teria assumido o crime para a família de Franciane.

"Dar quatro facadas na pessoa que você diz que ama e fugir não tem explicação. Não tem como aceitar que depois disso tudo ele ainda está em liberdade. A gente só pede justiça", desabafou a irmã mais nova de Franciane, Dayane Simione, ao portal Uol.

Ao portal, Dayane contou que chegou a trocar mensagens com o cunhado dois dias após o crime, questionando sobre o assassinato da irmã. "Por que você matou minha irmã? Você destruiu os sonhos dela, você destruiu uma família. E você foge simplesmente. Minha irmã tinha sonhos, ela era sua esposa, mãe do seu filho", enviou ela.

Ainda segundo ela, o homem - que não tve a identidade divulgada - confessou o assassinato e disse que "não teve intenção". "Estou sem chão, não sei o que fazer, me perdoe. Eu não fugi, só não sei como encarar a situação, me perdoe, pelo amor de Deus, me perdoe", responde o suspeito.

No mesmo dia da troca de mensagens, o suspeito se apresentou à polícia. Como não houve flagrante, porém, responde ao crime em liberade. "Isso revolta muito porque sabemos que nada vai acontecer. Ele deu uma facada no peito da minha irmã e foi para matar, ele tinha essa intenção, mas até ele ser julgado vai demorar", disse Dayane.

O casal estava junto há 13 anos e tinham um filho de 7 anos. O menino, que permanece sob os cuidados da família materna, teria ouvido a discussão dos pais e o assassinato da mãe. Segundoa família, o relacionamento era conturbado e, em situação anterior, Franciane já teria pedido uma medida protetiva contra o marido.

    Veja Também

      Mostrar mais