aula
AGENCIA O GLOBO
Em meio à pandemia de Covid-19 alunos assistem aula

Depois de mais de 200 dias fechadas, as escolas da capital paulista vão voltar a abrir na quarta-feira (7). As estimativas são de que mais de 80% das instituições particulares reabram e 40% das famílias não levem seus filhos.

Apesar da reabertura, no momento, só serão permitidas atividades presenciais extracurriculares. A previsão para a volta das aulas regulares ficou para 3 de novembro. 

Em pesquisa entre as 24 instituições de elite que fazem parte da Associação Brasileira de Escolas Particulares (Abepar), 100% declararam que vão reabrir na quarta-feira (7).

Em 33%, os alunos estarão na escola 2 vezes por semana e em 29,2%, mais de 3 vezes na semana. A maioria dos estudantes ficará entre 2 e 4 horas nas instituições por dia. As variações ocorrem por conta das ofertas distintas entre cada instiuição, já que algumas oferecem mais atividades extracurriculares que outras.

A estimativa do Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Estado de São Paulo (Sieeesp) é de que 80% das escolas estejam abertas na cidade de São Paulo na próxima semana.

Na última semana, a prefeitura de SP elaborou o plano de retorno. As escolas particulares só podem receber 20% dos alunos por dia e não têm limite de horas para funcionar.

    Veja Também

      Mostrar mais