Allan dos Santos
O Dia
Allan dos Santos usou seu Twitter para demonstrar sua instaficação.

O blogueiro Allan dos Santos acusou, na manhã desta quinta-feira, por meio de suas redes sociais, o ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, de 'traidor e canalha'. A irritação do blogueiro veio após o governo publicar portaria retirando obrigatoriedade de médicos acionarem a polícia em caso de aborto e o oferecimento de exames de ultrassom antes da interrupção da gravidez.

Ele afirma que Pazuello desprezava Bolsonaro e só teria aceitado apoiá-lo por pedido do vice-presidente, General Hamilton Mourão.

Dono do blog governista "terça-livre", Allan também disse ter mandado uma mensagem ao Presidente Bolsonaro (sem partido) dizendo para que nunca mais o ligasse.


O que muda com a nova portaria

A nova portaria é praticamente igual a anterior, mas com mudanças em pontos que tinham gerado polêmica, como a mulher ser forçada a fazer um ultrassom para ver o feto e a obrigatoriedade do médico em acionar a polícia.

Com as mudanças, o governo dividiu a responsabilidade com os demais profissionais de saúde responsáveis pelo estabelecimento e retirou a obrigatoriedade.

    Veja Também

      Mostrar mais