jovem
Redes sociais
Kauan Silva foi espancado por seis pescadores

Seis pescadores espancaram um estudante de 17 anos até a morte após uma discussão por uma barraca de praia na cidade do Guarujá , no litoral de São Paulo, na tarde deste domingo (16).

De acordo com familiares de Kauan Silva, ele teria  iniciado uma discussão com um pescador que pediu para que a barraca na qual o grupo acampava fosse desmontada, já que a fiscalização estava a caminho.

Após um bate boca, o homem foi embora e teria voltado com outros cinco colegas. Segundo o relato da esposa do jovem, eles começaram a trocar agressões e Kauan caiu no chão, continuando a apanhar e levar uma sequência de chutes. O jovem passou mal e foi socorrido, mas não resistiu.

A esposa de Kauan e uma amiga dela também foram agredidas a pauladas e socos, mas não precisaram de socorro médico. O caso foi registrado como lesão corporal seguida de morte e a polícia civil busca a identidade dos envolvidos no crime.

    Veja Também

      Mostrar mais