Movimentação de pessoas no parque do Ibirapuera durante reabertura dos parques municipais de São Paulo
Anderson Lira / FramePhoto / Agência O Globo
Na pandemia, cidades em torno da capita registraram alta nos homicídios


Em 99 de 139 municípios paulistas, crimes como roubo e estupro tiveram queda de 71,2% diante da pandemia do novo coronavírus . É o que indica o Índice de Exposição à Criminalidade Violenta (IECV), criado pelo Instituto Sou da Paz. O número é comparado com o mesmo período em 2019.


No entanto, o IECV aponta para um aumento de homicídios em quase 30% de todos os territórios analisados: em todo Estado de São Paulo , cerca de oito pessoas por dia foram mortas, o que resultou, até agora, em 1.522 homicídios no primeiro semestre de 2020. Esse número equivale a maior alta do crime em um semestre em sete anos. As mortes mais violentas ocorreram em 55 cidades.

Por outro lado, cidades com mais de 50 mil habitantes viram os crimes de homicídio, roubo e estupros caírem em 11%. Um exemplo é o município de Matão: com 83 mil habitantes, a criminalidade reduziu 70% neste ano.

O motivo para que crimes aconteçam em menor escala se dá pelas próprias medidas de isolamento social da pandemia, que diminuíram o volume de pessoas nas ruas. Os índices são ainda menores nos primeiros meses da pandemia, entre março e maio, quando havia mais medo de contaminação entre a população.

Aumento

Mesmo com a queda em grande proporção, 40 cidades tiveram aumento em crime violentos. Esse número é de 28,7%, o que torna visível, segundo o índice, a desigualdade do Estado diante da redução da violência.

O aumento aconteceu de crimes durante a pandemia aconteceu mais em cidades litorâneas e no Vale do Paraíba. Itanhaém é campeã do aumento e tem o maior indicador de aumento de crimes, seguida ainda por Mongaguá, Peruíbe, Praia Grande e Ubatuba.

Os homicídios tiveram aumento maior em cidades da Grande São Paulo. Os trinta e oito municípios mais próximos da capital tiveram 361 assassinatos no primeiro semestre. Em 2019, esse número fechou em 298.

No interior, a cidade de Birigui foi destacada por ter registrado 13 homicídios em 2020 contra cinco do ano passado.

    Veja Também

      Mostrar mais