Testagem da Covid-19
Eduardo Valente/iShoot/Agência O Globo
Agentes de saúde são os menos testados para Covid-19


Segundo pesquisa feita pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), dois a cada três  profissionais de saúde pública brasileiros afirmaram que não fizeram testes para a Covid-19 . De 2.138 pessoas que responderam ao estudo, 64,8% afirmaram que não haviam recebido diagnósticos entre 15 de junho e 1º de julho.


Deste número, apenas 35,2% dos entrevistados afirmaram que haviam realizado o teste para a doença transmitida pelo novo coronavírus . Os entrevistados estavam distribuídos entre todos os estados.

Pelo fato de não terem realizado o teste, esses profissionais não sabem se já foram infectados pelo vírus ou não.

Após a etapa de mapeamento de profissionais de saúde no estudo, os pesquisadores conseguiram afirmar que, de todos os profissionais não testados, a maioria são agentes de saúde, que trabalham em vias públicas para ajudar ativamente à população. Destes, somente 27% foram testados.

Entre os outros profissionais, estão outros profissionais, como fisioterapeutas (36%), profissionais da área de enfermagem (41%) e médicos (43%).

Além dos testes, metade desses profissionais não têm acesso aos Equipamentos de Proteção Individual ( EPIs ). No entanto, mais uma vez os agentes comunitários são os mais prejudicados: apenas 30% deles têm acesso aos EPIs.

Isso acontece porque, perante a lei, os agentes de saúde não são considerados como profissionais de saúde.

Os dados também apontam a opinião dos profissionais de saúde em relação às ações do Governo Federal. Eles afirmam que esse é um dos órgãos que menos dá assistência aos trabalhadores da saúde. Apenas 22% dos entrevistados afirmaram que a gestão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) é positiva diante da Covid-19.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários