Segundo o coordenador do centro de contingência, João Gabbardo, São Paulo só alcançará a fase azul - a última -, após a chegada de uma vacina
Governo do Estado de São Paulo
Segundo o coordenador do centro de contingência, João Gabbardo, São Paulo só alcançará a fase azul - a última -, após a chegada de uma vacina

A capital paulista deve alcançar a fase 4-verde do  Plano São Paulo de flexibilização do isolamento social dentro de um mês. É o que afirma o secretário-executivo do centro de contingência de combate à Covid-19.

Em entrevista à Globo , Gabbardo fez a previsão de que a fase mais permissiva chegará ainda no mês de agosto. A etapa permite que os segmentos abertos deixem de ter restrição de horário de funcionamento, permanecendo apenas as restrições de capacidade para evitar aglomerações.

"Previsão é que em 30 dias a capital de São Paulo já esteja na fase verde, com todas as atividades funcionando sem restrição de horário, mas com restrição de capacidade. O que tem acontecido normalmente, porque a população tem ficado receosa de sair, ir para as ruas... Passando para essa fase verde, além da ocupação, vão ficar com restrições eventos que envolvem aglomerações, isso só será possível mais adiante, na fase azul", disse o secretário.

A promoção à fase verde exige taxa de ocupação de leitos de UTIs reservados para Covid-19 abaixo dos 60%. Ocorre que isto significa manter por tempo indeterminado vagas que não são usadas, gerando custos e diminuindo a capacidade de hospitais. Prefeitos reclamaram da situação no começo do mês e agora o governo estadual vai alterar esse percentual.

Você viu?

"O centro de contingência se posicionou, o Doria deve anunciar nos próximos dias os motivos desta mudança. O plano estabelece como um dos critérios para mudar da fase amarela para a verde um percentual menor de 60% de ocupação leitos, o que significa que 40% teriam que estar disponíveis", disse.

"Como os índices estão decréscimo na cidade de São Paulo, não há necessidade de ter 40% ociosos sendo que as pessoas seguem infartando, tendo acidentes. O importante é que eles possam ser usados para Covid-19 ainda, caso necessário podem ser requisitados de novo, diferente de quando não tínhamos leitos suficientes (no começo da pandemia)", seguiu.

Para alcançar a fase azul, que seria o mais próximo da normalidade, será possível apenas após a chegada da vacina . Segundo Gabbardo, não é possível chegar à essa etapa com imunização natural.

"Acho muito difícil, azul só poderá ocorrer com a população já imunizada. Se puder naturalmente, será possível, mas isso não vai ocorrer. Isso só deve ocorrer com imunidade com vacina", completou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários