O presidente Jair Bolsonaro desembarcou no aeroporto de Florianópolis, em Santa Catarina, neste sábado (4) para ver de perto os estragos causados pelo fenômeno natural que ficou conhecido como “ciclone bomba”. Ele sobrevoou as áreas de Tijucas e Governador Celso Ramos a bordo de um helicóptero. 

Bolsonaro
Reprodução/Globonews
Bolsonaro foi a Santa Catarina neste sábado


Após o voo, Bolsonaro conversou com autoridades e tirou fotos usando máscara de proteção. Segundo informações do 'G1', o presidente foi recebido pela governadora Daniela Reinehr e estavam presentes na comitiva os senadores Dário Berger (MDB), Esperidião Amin (PP) e Jorginho Mello (PL).

A previsão, segundo divulgado pelo governo de Santa Catarina, era que o presidente se reúnisse com as autoridades do local para explicar como será liberado esse recurso.O compromisso durou cerca de duas horas e ele voltou a Brasília sem conversar com os jornalistas. 


O fenômeno climático atingiu no mínimo 185 cidades de Santa Catarina e foram registradas cerca de 10 mortes. A visita de Bolsonaro ao local tem o intuito de reforçar que ele vai apoiar a reconstrução do local, cumprindo a promessa que o governo federal fez ao estado. 

    Veja Também

      Mostrar mais