Sara Winter e Bolsonaro
Reprodução/Twitter
Ativista foi alvo de operação da Polícia Federal contra fake news.

A ativista bolsonarista Sara Winter disse que o ministro Alexandre de Moraes , do Supremo Tribunal Federal (STF), "nunca mais vai ter paz". A declaração foi feita horas após Sara ter sido alvo de uma operação da Polícia Federal (PF) contra fake news.

Leia também: Aras pede suspensão de tramitação do inquérito sobre fake news

No vídeo, Sara também fala em " infernizar a vida " do ministro, que foi responsável por autorizar a ação. A ativista também diz que gostaria de "trocar socos" com Moraes e afirma que o membro da Corte tomou "a pior decisão" de sua vida. Confira o registro:

No começo da manhã desta quarta-feira (27), agentes da Polícia Federal foram à casa de Sara e cumpriram mandado de busca e apreensão. Um computador e um celular da ativista foram recolhidos e levados pela PF. Utilizando um tablet, Sara disse estar "praticamente incomunicável" e criticou a operação.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários