Nelson Teich deixa o cargo após menos de um mês
José Dias/PR
Nelson Teich deixa o cargo após menos de um mês

O ministro da Saúde, Nelson Teich, deixou o cargo nesta sexta-feira (15), menos de um mês após assumir pasta. Em nota, o ministério informou sua demissão. O ministro foi chamado para uma reunião no Palácio do Planalto nesta manhã com o presidente Bolsonaro. Logo depois, a demissão foi anunciada.

Essa é a segunda saída de um ministro da Saúde em meio à pandemia do novo coronavírus. Antes de Teich, o ministro  Luiz Henrique Mandetta já havia sido demitido do cargo.

Veja também: Bolsonaro admite ter falado 'PF' em reunião, após negar menção por uma semana

A saída de Teich foi motivada por algumas discordâncias com o presidente Bolsonaro, entre elas: a cautela do ministro quanto ao uso da cloroquina no tratamento da Covid-19, o decreto de Bolsonaro que ampliou as atividades essenciais (salões de beleza, barbearias e academias de ginástica) sem a consulta de Teich e a rejeição do presidente às medidas de isolamento.

    Veja Também

      Mostrar mais