Teste para Covid-19
Agência Brasil
Testes em massa para alunos, professores e funcionários abrem possibilidade para retorno das atividades

O presidente da Universidade do Arizona, nos Estados Unidos, tem um plano para que as aulas presenciais sejam retomadas ainda este ano. Como os laboratórios já estão empenhados no desenvolvimento de testes para o novo coronavírus (Sars-CoV-2) e de anticorpos, o Dr.Robert Robbins propõe que alunos, funcionários e pessoas próximas também sejam submetidas a análises para detectar a resposta imunizadora do corpo.

LEIA MAIS: Recuperados da Covid-19 desenvolvem imunidade a curto prazo

“Incrivelmente, os dados apontam que mais da metade das pessoas que estiveram expostas à Covid-19 não sentiu qualquer sintoma da doença. Além disso, novos estudos apontam que uma parcela ainda maior da população foi infectada”, escreveu Robbins, em sua coluna na Business Insider. “Testar os doentes revela apenas uma pequena parcela dos infectados. Por isso, nossos experts desenvolveram testes que podem detectar a presença de anticorpos”.

Segundo Robbins, experimentos da Universidade do Arizona mostram ótimos resultados sobre a presença dos anticorpos e suas ações para neutralizar o vírus. “Todas as 60 mil pessoas relacionada à Universidade, entre alunos, professores e funcionários, poderão receber esses testes gratuitamente”, afirma o presidente.

“Acreditamos que estes testes podem ajudar o Arizona a se recuperar, e evitar que o vírus possa aparecer novamente”, diz Robbins. “No maior fornecimento deste tipo de serviço nos Estados Unidos, nossa universidade fará testes em aproximadamente 250 mil funcionários da área da saúde”.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários