Ministro da Saúde Nelson Teich
José Dias/PR
Ministro da Saúde Nelson Teich

Durante a coletiva do Governo Federal realizada na tarde desta quarta-feira (6), o ministro da Saúde, Nelson Teich, alegou que a Casa deverá sugerir “lockdown” em algumas regiões. Alguns municípios já estão aderindo ao procedimento para frear a contaminação da Covid-19 e reduzir a ocupação dos leitos.

LEIA MAIS: SP: Coronavírus cresce quatro vezes mais rápido no interior

“Isso tem que ser discutido com cuidado. Existem vários níveis de isolamento, que vão desde medidas simples, como a lavagem das mãos, cuidados e um pequeno distanciamento das pessoas, até o lockdown”, explica Teich. “Cada lugar vai ter a sua necessidade. A gente vai mapear. Hoje, temos os estados e cidades mapeando a incidência de casos novos e a estrutura para o atendimento”.

Teich afirma que este mapeamento, que pode variar entre regiões, interfere diretamente na adoção de um dos tipos de isolamento. “Vai ter lugar em que vamos sugerir o lockdown, mas outros poderão flexibilizar. É a forma de fazer que faz a diferença”, afirma o ministro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários