Espancamento
Reprodução/ YouTube
Na favela do Acari, bandidos estão punindo quem não respeita a quarentena

Moradores da comunidade de Acari, no Rio de Janeiro, estão enfrentando mais um problema causado pela pandemia do Covid-19. Além do risco de ser contaminado, eles agora correm o risco de sofrerem agressões por parte do grupo que controla o tráfico da região.

Leia também: Quem vive e quem morre no Rio: protocolo definirá uso de leitos e respiradores

Segundo informações do jornal O Dia, pessoas que furam a quarentena imposta desde a última semana, quando um carro de som passou pelas ruas da comunidade informando sobre o "toque de recolher", acabam sendo espancadas pelos traficantes. 

"Os traficantes estão espalhados para colocar o povo que insiste em ficar na rua de volta pra casa, e é na lambada, mesmo. Sem dó, nem piedade. Eu tenho medo deles e mais ainda dessa doença", relatou uma moradora, de 45 anos. No chamado 'carro da lapada', traficantes também exibem os fuzis, conforme relatos nas redes sociais.

Leia também: Bolsonaro: gostaria de ver país trabalhando, mas quem decide são os governadores

Ainda de acordo com a publicação, a Polícia Civil informou que foi feito um registro de constrangimento ilegal e que maiores informações sobre o caso estão sendo apuradas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários