Bruno Covas
Paulo Guereta/Photo Premium/Agência O Globo
Bruno Covas é pré-candidato à reeleição para prefeito de São Paulo

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas , realizou nesta terça-feira (28) exames para acompanhar um câncer no sistema digestivo. Segundo a equipe médica, o resultado demonstrou que o tratamento a que ele se submete desde outubro passado está sendo "eficaz".

Leia também: TSE lança site para regularização de título de eleitor

"Diante desse resultado, a equipe médica decidiu que o prefeito seguirá realizando aplicações endovenosas de imunoterapia a cada três semanas. Novos exames de imagens para controle estão previstos para daqui a dois meses", informou boletim médico divulgado nesta tarde. Nesta terça, Covas fez um PET/Scan e uma ressonância magnética.

Após sessões de quimioterapia , o prefeito iniciou um tratamento de imunorerapia, que consiste na injeção de medicamentos menos agressivos. O tumor que o prefeito tinha na transição do esôfago para o estômago desapareceu. O mesmo ocorreu com lesões no fígado. Persistem células cancerígenas nos linfonodos.

Leia também: Valeixo pede que peritos da PF preservem mensagens de seu celular

Desde que Bruno Covas terminou a quimioterapia, no início deste ano, ele voltou a participar de eventos públicos oficiais. Ontem ele inaugurou leitos para pacientes da Covid-19 no Hospital M'Boi Mirim, na periferia da cidade.

    Veja Também

      Mostrar mais