Estudo analisou anticorpos
Reprodução
Estudo analisou anticorpos

O primeiro grande estudo de alcance de infecção realizado no Brasil, que buscou medir o número real de contaminações a partir do desenvolvimento de anticorpos, afirmou que o país possui um número de casos de Covid-19 sete vezes maior do que as notificações oficiais. 

O estudo foi realizado no Rio Grande do Sul e leva em conta, além dos registros, casos assintomáticos ou leves - que não entrariam nas notificações oficiais do governo . Amostras de 4.189 pessoas foram utilizadas, chegando a um resultado de 0,5% de infectados. 

Leia mais: Bebida alcoólica deve ser restringida durante isolamento, diz OMS

A proporção equivale a 5.650 apenas no Rio Grande do Sul . Nas contas do governo, que costuma testar apenas os casos mais sintomáticos ou graves da doença, o estado teria 747 casos.

O projeto de pesquisa, o Epicovid19 , é coordenado pela Universidade Federal de Pelotas (Ufpel) com apoio do Governo do Rio Grande do Sul. Novas etapas do estudo serão realizadas com espaço de 15 dias entre as coletas para acompanhar a evolução da doença. 


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários