máscaras
Pixabay/Juraj Varga
coronavírus

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD) anunciou que, a partir da próxima sexta-feira (17) o uso de máscaras de proteção será obrigatório para circular nas ruas da capital mineira. De acordo com o prefeito, haverá punição para quem não cumprir a medida. 

Ainda não detalhes sobre como será feita a fiscalização ou se haverá multa para os que descumprirem a regra. Kalil, porém, afirmou que os locais públicos somente poderão ser visitados caso o transeunte faça uso do ítem. Ou seja, cidadãos podem ser barrados nos espaços. 

Leia mais: Pacientes de UTI podem sofrer com trauma até um ano após alta, diz estudo

Além de Belo Horizonte, outras duas capitais adotaram medidas que obrigam o uso de máscaras contra a transmissão do Covid-19 : Cuiabá e Florianópolis também adotaram a regra. 

Atualmente existem 23.430 casos confirmados da nova doença no Brasil, com 1.328 notificações de óbito, o que ocasiona uma taxa de letalidade de 5,7%. Para conter os danos do avanço da infecção no Brasil, vários estados adotam medidas de quarentena ou distanciamento social. 

    Veja Também

      Mostrar mais