Hospital das Clínicas
Redes sociais / Reprodução
Hospital das Clínicas

O maior hospital público do país, o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, em São Paulo, afastou 125 funcionários por causa do coronavírus. Entre os profissionais afastados estão médicos, enfermeiras, técnicos e fisioterapeutas.

Leia também: Coronavírus no Brasil: acompanhe a situação no País em tempo real

Dos 125 profissionais que foram afastados, 108 tiveram diagnóstico positivo para a Covid-19 . O Centro de Atendimento ao Colaborador (CAC) do Hospital das Clínicas examinou 2.549 funcionários e testou 1.244 deles, dos quais 1.136 tiveram resultado negativo. Cinquenta trabalhadores ainda esperam seus resultados.

Mesma situação em outros hospitais

Outros hospitais da capital paulista também precisaram afastar dezenas de seus funcionários. O hospital Albert Einstein teve 350 profissionais diagnosticados com Covid-19, o hospital Sírio Libanês afastou 104 trabalhadores e o HCor, 32. Se somada a situação dos quatro hospitais, há mais de 600 profissionais de saúde afastados.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários